Eliane Penachim
Fonoaudióloga
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle

© 2019 Orgulhosamente criado por Lucas Kaique

DIFERENTES POSIÇÕES DA AMAMENTAÇÃO

 

A posição para amamentar é T-U-D-O!  Muitas vezes um bom posicionamento no peito garante uma pega adequada e uma amamentação prazerosa! Não esqueçam disso! Ao contrário do que muitas mamães pensam, a amamentação pode ser um momento muito bom e prazeroso com o bebê, mas para que isso seja uma verdade, é preciso encontrar a posição mais confortável para os dois, para que não se torne algo cansativo e até desesperador. Por isso, para tentar facilitar esse momento tão gostoso, separamos aqui algumas dicas e posições usadas para amamentar. Vamos lá?

 

1- Recostada ou reclinada: Também conhecida como amamentação biológica ou laid-back breastfeeding, essa posição é a primeira que as mamães experimentam: o bebê é colocado no peito ou na barriga de sua mãe e ele mesmo se rastejando até um dos seios para tentar agarrá-lo com a boquinha. A amamentação recostada oferece contato pele com pele e ajuda o bebê a estimular instintos de alimentação, enquanto a gravidade o ajuda a agarrar bem a mama e o mantém no lugar.

 

A boa notícia sobre essa posição é que ela não é específica apenas para recém-nascidos. Ela pode ser realizada com crianças de todas as idades. Também é muito usada quando o bebê não quer pegar o peito, como uma forma de deixar a amamentação mais instintiva..

 

2- Posição de embalar: Quando pensamos em amamentação, essa posição é clássica: a mamãe fica sentada com seu bebê de lado, enquanto a cabecinha e o pescoço ficam apoiados no antebraço da mãe. Nem sempre é fácil de aplicá-la com um recém-nascido, por isso, uma almofada ou travesseiro por trás da mãe ou uma almofada de amamentação para encostar o bebê pode facilitar esse momento..

 

3- Posição bola de jogador de futebol americano: Nesta posição, o bebê é colocado ao longo do antebraço ou debaixo do braço da mamãe com os pés virados para as costas da sua cadeira. Esta posição é ideal para as mamães que estão começando a amamentar, já que é possível ver todo o rostinho do bebê, ajudando a se sentir seguro, e para as mamães que fizeram uma cesariana, tiveram gêmeos, bebê prematuro ou para as que tem seios maiores. É uma posição que favorece uma pega mais assimétrica e auxilia quando há dor ou dificuldade na amamentação